quinta-feira, 10 de março de 2011

A solução do peixe amarelo

Golden Fish, Paul Klee

...e o melhor que a gente tem a fazer, por estes tempos que correm, é começar já a pintar um peixe amarelo, seguindo o exemplo do pintor... mas, primeiro, é preciso escutar: 




3 comentários:

vbm disse...

:)Sim, se!

i.e., se o amarelo
for co-possível
com o aquário,
após o vermelho
declinante e
o preto emergente.


No fundo,
a grande lição de humildade
da ciência experimental

é a de obedecer às regularidades
que viabilizam o possível
no seio da natureza... :)



No nosso caso,
haveríamos de forçar
a U.E. a ser mais interventiva
na finança e comércio internacional
para que os nossos próprios esforços
de desenvolvimento 'sustentável'
tenham alguma possibilidade
de sucesso.

Mas ainda vou ler o discurso
do Preseidente da Assembleia da República
que a Ana Paula (Fitas)
d'"A Nossa Candeia"
recomendou.

:)

ângela f. marques disse...

OBRIGADA pela preciosidade, Ana! Uso este texto há "séculos" para conversar sobre a criatividade e não fazia ideia que o Mário Viegas o dizia!!!!!
Fantástico!
Beijo

José Marinho disse...

Um peixe amarelo e muitos, muitos passeios à beira-mar, logo que o sol nos brinde com alguns dos seus preciosos raios, mesmo que indecisos.
Abraço.