domingo, 19 de maio de 2013

notas para agitar a psicologia que há em 'nós'

Há casos em que nós, os psicólogos, nos portamos como cavalos, e nos inquietamos: vemos a nossa própria sombra oscilar para cima e para baixo diante de nós. O psicólogo se quer ver algo tem que afastar a vista de si.
Nietzsche, "Sentenças e Farpas" in Crepúsculo dos Ídolos - ou como se filosofa às marteladas

Sem comentários: