sábado, 22 de dezembro de 2012

...o quê


Cacida da Rosa

A rosa
não buscava a aurora:
quase eterna no ramo,
buscava outra coisa.

A rosa não buscava ciência nem sombra:
confim de carne e sonho,
buscava outra coisa.

A rosa
não buscava a rosa.
Imóvel pelo céu,
buscava outra coisa.

Federico Garcia Lorca

4 comentários:

O Puma disse...

Andamos sempre à pergunta

Faty Laouini disse...

Merry Xmas, Ana Paula! Boas festas, poesia em tudo para si e que venham melhores dias para 2013. Uma beijoca de Aveiro *

Ana Paula Sena disse...

...sempre... :))

Ana Paula Sena disse...

Muito obrigada, Fátima!

Votos de continuação de Boas Festas para si!

Beijo, aqui de Oeiras :))